Informativos Jurídicos

APÓS DENÚNCIA DO CBO E DO CRM DE TOCANTINS, EVENTO É SUSPENSO E OPTOMETRISTA É LEVADA PARA DELEGACIA

APÓS DENÚNCIA DO CBO E DO CRM DE TOCANTINS, EVENTO É SUSPENSO E OPTOMETRISTA É LEVADA PARA DELEGACIA

No último dia 26 (sexta-feira) o Departamento Jurídico foi informado de que estaria acontecendo um evento comandado por uma Optometrista na cidade de Araguaina, onde estaria sendo realizado atendimento gratuito por profissional não médico e venda de óculos sem prescrição médica.

O Conselho Regional de Medicina do Estado do Tocantins também denunciou o evento ilegal e compareceu juntamente com a Polícia Civil e Vigilância Sanitária no local para investigar as práticas ilegais denunciadas.

Foram apreendidos equipamentos de uso exclusivo médico, receitas e documentos. A vigilância sanitária constatou irregularidades no local e a optometristas foi levada à delegacia para prestar depoimento.


Deixe um comentário

Compartilhar artigo nas redes sociais

Outras publicações

DEPARTAMENTO JURÍDICO DO CBO SE REUNE VIRTUALMENTE COM O MP DO ESTADO DO ACRE PARA INSTRUMENTALIZAR AÇÕES PRÁTICAS VISANDO A EFICÁCIA DA ADPF 131 Informativos Jurídicos

DEPARTAMENTO JURÍDICO DO CBO SE REUNE VIRTUALMENTE COM O MP DO ESTADO DO ACRE PARA INSTRUMENTALIZAR AÇÕES PRÁTICAS VISANDO A EFICÁCIA DA ADPF 131

ACÓRDÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA IMPEDIU QUE OPTOMETRISTAS PRATIQUEM ATOS PRIVATIVOS MÉDICOS Informativos Jurídicos

ACÓRDÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA IMPEDIU QUE OPTOMETRISTAS PRATIQUEM ATOS PRIVATIVOS MÉDICOS

Estratégia de plano de saúde que prejudica população e médicos virou alvo de cruzada do Conselho Brasileiro de Oftalmologia Informativos Jurídicos

Estratégia de plano de saúde que prejudica população e médicos virou alvo de cruzada do Conselho Brasileiro de Oftalmologia

Você precisa estar logado para acessar essa página

FALE COM O CBO